segunda-feira, 29 de agosto de 2011

Reposição hormonal? Nem pensar.

Jane Fonda (Foto: Google)
Na semana passada li uma reportagem com Jane Fonda (Nova York, 1937) sobre o uso de testosterona. Ela conta que sua vida sexual melhorou consideravelmente após os 71 anos quando começou a usar o hormônio masculino testosterona para aumentar a libido. Ela agora tem 73 anos.
Como já falamos aqui, a testosterona é o hormônio masculino produzido pelos testículos do homem e em menor escala, pelos ovários e glândulas supra-renais da mulher. 
Segundo informações a testosterona tem basicamente duas funções: uma chamada anabólica e outra androgênica. "Pela função anabólica ela atua, principalmente, sobre as zonas de crescimento dos ossos. Além disso ela influencia o desenvolvimento das características sexuais masculinas (órgãos sexuais, produção de espermatozoides, pelo, barba, voz, etc). E mais: a testosterona age também na distribuição da gordura corporal, dando a nítida diferença entre a silhueta masculina e feminina".
A mesma reportagem diz que alguns médicos prescrevem o hormônio em pequenas porções para mulheres na menopausa, junto com outras drogas da reposição hormonal. 
Essa conversa de reposição hormonal de vez em quando passeia por aqui, é quase inevitável. Mas a ideia do blog é conversar, levantar questões para a reflexão, sugerir leituras  e, sempre, recomendar ouvir um (a) profissional de saúde quando quiser aprofundar as questões e saber que decisão tomar.
Em 2002 o tema terapia hormonal ganhou destaque na mídia porque foram publicados os resultados de um estudo (Women's Health Iniciative Group) patrocinado pelo Instituto de Saúde norte-americano, com 16 mil mulheres. Parte da pesquisa foi suspensa porque "as estimativas indicavam que o uso dos hormônios aumentava o risco de doenças cardiovasculares e de câncer de mama".  O estudo mostrou que as mulheres tiveram problemas graves como casos de derrame e câncer de mama. Isso foi suficiente para causar o maior rebuliço e muitas críticas. Leia mais AQUIAQUI e AQUI
Mafalda (Imagem:Google)
O Dossiê Menopausa da Rede Feminista de Saúde e Direitos Sexuais e reprodutivos é contundente e alerta sobre os interesses da indústria farmacêutica em vender os medicamentos hormonais, fala sobre os riscos de tumor provocados pela reposição hormonal e aponta a rejeição nos corpos das mulheres. 
Eu não faço reposição hormonal. Fiz uma readequação na minha alimentação, incluindo soja em grãos e linhaça, que ajudam bastante a aliviar os desconfortos da menopausa. Minha ginecologista me contou que a soja possui substâncias com características muito parecidas com as do hormônio estrógeno que ameniza os tais sintomas da menopausa. Faço caminhada, tomo um suco de couve-folha com frutas e leite de soja para abrir o meu dia e tomo um chá de ervas antes de dormir. Essa rotina me faz um bem enorme. 
#Ficaadica. Um lubrificante vaginal ajuda a diminuir o desconforto provocado pelas alterações hormonais. 

Saiba mais:

5 comentários:

  1. oi Suely, adoro teu jeito simples e direto de tratar temas tão complexos. Essa questão da hormonioterapia é muito séria, até porque existem muito poucos estudos de longo prazo (aliás parece que cada vez menos o mundo tem tempo prá eles) que evidenciem claramente benefícios e malefícios. Minsa singela opinião segue sendo a mesma e batida necessidade de ampla divulghação do que se tem hoje, de forma que cada pessoa possa escolher o que quer fazer, assumindo riscos e desfrutando benefícios. Bjs

    ResponderExcluir
  2. Olá Suely.
    Gostei muito de sua postagem.
    Gostei mais da dica, um chá antes de dormir é maravilhoso.
    Beijo
    Maria Luiza (Lulú)

    ResponderExcluir
  3. Obrigada, Simi. Adorei a visita, com os comentários totalmente pertinentes, partindo da sua experiência profissional. Venha sempre que puder. Beijos.

    ResponderExcluir
  4. Oi, Lulu! saudade de você! O chazinho pra mim é indispensável! Volte sempre, querida!

    ResponderExcluir
  5. Suely,
    Ao procurar discussões sobre este tema, apareceu o teu site. Gostei e quero adicionar minhas impressoes sobre a TRH. Faço há 12 anos por conta de uma histerectomia total e a-do-ro o resultado. Faço exames anuais e sigo sem alteração a nao ser para melhor. Tenho uma pele hidratada, cabelos cheios, libido em alta, senso de humor, nao apareceu nenhum cancer e olha que vivo sendo "scanneada" de fio a pavio.
    Uso um gel na pele apos o banho, nao tenho sobrepeso, Mas é claro que evito paes frescos e doces...driblo comendo frutas secas e passa a fome de doces.
    Dançar forró, tango e salsa ajuda muito tb, rs,rs,rs, beijos e parabéns pelo site!
    Cynthia Cunha (pernambucana no RJ).

    ResponderExcluir